Etiqueta e boa convivência no trabalho

 em DICAS

Para alcançar o tão sonhado sucesso profissional, as pessoas precisam saber que manter a compostura no trabalho é primordial. Nos ambientes profissionais, são levados em consideração diversos detalhes, entre eles as atitudes nas mais variadas situações, o modo de proceder, o talento e o preparo de cada um.
Para Maria Inês Borges da Silveira, consultora de Comportamento Profissional, Etiqueta Social e internacional, Cerimonial Publico e Privado e Marketing Pessoal, alguns cuidados são essenciais e podem fazer toda a diferença. “Devemos ter a preocupação de uma boa convivência e procurar não se envolver em fofocas e intrigas. Caso fique sabendo de alguma demissão ou medidas impopulares da empresa,não passe adiante. Esse é o melhor antídoto contra fofoca”, aconselha.
“O profissional também deve fazer render o seu tempo. Procure seguir um método e cumprir metas, planejar sua semana, listar as tarefas e calcular o tempo para executá-las, deixando brechas para interrupções. O ideal é definir um horário para responder e-mails, pois assim terá mais tempo para detalhar e executar seu trabalho, é preciso ter cuidado com intimidades. O profissional precisa manter a postura evitando beijinhos e abraços, e fala com o próximo usando no mínimo uma distância de 50cm”.
Confira mais algumas dicas:
• Seja pontual;
• Devolva o que pedir emprestado;
• Bata na porta antes de entrar;
• Mantenha postura correta com pés, mãos e sempre com gestos comedidos;
• Jamais mascar chicletes, roer unhas ou lixar suas unhas em reuniões;
• Jamais utilizar materiais da empresa para uso pessoal;
• Evite atender telefones particulares;
• Não deixe que os problemas externos, fora do interesse da empresa, interfiram no trabalho;
• Trate todos como gostaria de ser tratado;
• Mantenha a serenidade, mesmo nas horas difíceis ou diante de opiniões contrárias;
• Seja proativo e determinado

Fonte: Jornal de Jundiaí, Moduinho, Ano 17 – Edição 906 – 24 de maio de 2015

Recent Posts

Deixe uma resposta

Motivos que eliminam o seu currículo em uma entrevista